O Mercado de Arte Popular (MAP) de Feira de Santana, antigo Mercado Municipal, no centro da cidade, vai finalmente passar pela esperada reforma que deve retirar o criticado ‘telhado de zinco’ que faz do MAP um verdadeiro ‘forno’ nos meses quentes do ano.

Os recursos, cerca de 1,5 milhão de reais, são do Ministério do Turismo.

Nesta sexta-feira, o prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo, e o representante do Ministério do Turismo, o secretário nacional da área, Fábio Mota, anunciaram a liberação de recursos no Gabinete do Prefeito no Paço Maria Quitéria.

Além do MAP, o Ministério também está vai liberar mais cerca de 4 milhões de reais para a área de artesanato do Centro de Abastecimento e a reforma da Praça Padre Ovídio, ao lado da Catedral de Sant’Anna.