A discussão sobre o reajuste nos valores venais dos imóveis  para aumentar a erearrecadação de IPTU em Feira de Santana em 2014, ocupou hoje o tempo de parte dos vereadores na Câmara Municipal.

Primeiro foi o vereador da oposição, Pablo Roberto que levantou o assunto na tribuna, sendo aparteado por vereadores situacionistas, inclusive o líder do governo, Carlito do Peixe.

Já a vereadora Eremita Araújo, que também faz parte da bancada do governo, destoou da defesa dos governistas ao dizer que não concorda com o aumento da maneira como está posto e defendeu que essas atualizações dos valores dos imóveis devam ser feitas de maneira ‘escalonada’ e não de uma vez como está previsto.

A Prefeitura de Feira deve mandar o projeto de lei ainda esta semana.