A demissão do secretário municipal de Gestão de Convênios de Feira, Arcênio Oliveira, publicada na edição de hoje do jornal Folha do Norte,  acontece após uma reunião, anteontem, com o prefeito José Ronaldo e o secretário de Planejamento, Carlos Brito.

A reunião aconteceu na sala do secretário Carlos Brito e segundo fontes do governo, ela teria sido tensa e marcada por duras cobranças do Prefeito em relação a projetos municipais.

Os motivos da saída de Arcênio continuam, no entanto, envoltos em mistério. Essa não é a primeira vez que o arquiteto sai do governo de maneira misteriosa. Na gestão de Tarcízio Pimenta, Arcênio também pediu demissão do cargo que exercia na Secretaria de Planejamento sem maiores explicações.