O professor Jhônatas Monteiro disse que ‘a chave para avançar na resolução de muitos problemas que afetam a maioria da população baiana é a descentralização de recursos de modo a garantir um desenvolvimento regional mais equilibrado’.

O caso da saúde é exemplar: assistimos uma peregrinação diária de pessoas de centenas de municípios em busca de atendimento em pouquíssimos hospitais que oferecem serviços de alta complexidade, instituições concentradas em não mais que cinco cidades, porque não encontram alternativas mais próximas da sua própria localidade”, criticou Jhônatas, que este ano é  candidato do PSOL a deputado estadual.

Jhônatas defende um ‘outro modelo de desenvolvimento para a Bahia’, pois segundo ele, o que está sendo praticado, há décadas,  não contempla a realidade da maior parte do estado”.