O jornalista Valdomiro Silva, secretário de Comunicação do Governo de Feira, contestou informação veiculada pelo Tribuna Feirense e pelo G1, e reproduzida aqui no BF de que a Prefeitura de Feira tenha tomado emprestado de Serrinha, 10kg do veneno para matar o mosquito que provoca a doença chamada de  chikungunya.

Em nota, Valdomiro afirma:

“A Prefeitura de Feira de Santana não tomou emprestado ao município de Serrinha uma quantidade do larvicida que combate o chikungunya. De fato esta cidade aguarda a chegada de um novo estoque do veneno contra o mosquito transmissor da doença. O Ministério da Saúde faz o repasse ao Governo do Estado, que distribui o produto às prefeituras. Portanto, o Estado é quem providencia o veneno como solução provisória para Feira de Santana. Não é a Prefeitura que toma emprestado de lugar algum.”