fb_img_1500070998337O Fluminense de Feira arrancou um empate em Campina Grande, diante do Campinense, em 1×1, jogo válido pela segunda fase da Série D do Brasileirão. O goleiro Jair, segundo a imprensa noticia, foi o grande nome do time no estádio Governador Ernane Sátiro, o Amigão. O resultado é muito bom. O regulamento da competição é semelhante ao da Copa do Brasil: empate com gol fora de casa pode ser decisivo na partida de volta.

Se o tricolor feirense voltar a empatar, em 0x0, garante vaga. Ou seja, basta a equipe não levar gol para assegurar passaporte. Uma vez classificado, o Flu estará a dois confrontos de conseguir a tão almejada vaga na Série C.

Mas, ninguém se iluda, o jogo deverá ser muito difícil.

O time local precisará atuar com segurança na defesa, para evitar ser vasada, e inteligência no ataque, para aproveitar brechas que o Campinense deve proporcionar.

Fluminense e Campinense vem realizando confrontos equilibrados desde a fase anterior, quando empataram duas vezes.Este foi o terceiro resultado igual.

São duas forças do futebol do Nordeste e, pode se dizer, não há favorito nesta disputa, mesmo sendo o jogo em Feira de Santana.

Creio que teremos um jogo aberto.

Os visitantes, pela necessidade de ao menos fazer um gol, devem atuar ofensivamente.

O Touro do Sertão, por atuar diante da sua torcida, será exigido a jogar de forma agressiva.

Mas o time local, muito bem dirigido pelo técnico Paulo Foianni, antes de mais nada precisará atuar com segurança na defesa, para evitar ser vasada, e inteligência no ataque, para aproveitar brechas que o Campinense deve proporcionar.

A torcida do Fluminense, aliás, deve honrar a sua dívida com o clube. Até aqui, nesta Série D 2017, ela não deu ainda demonstração de sua força. Não compareceu em grande número em jogos do time. Esta é a grande oportunidade.

Um bom jogo, decisivo, com a equipe tendo a condição de classificar-se para a terceira de cinco etapas rumo a Série C.

Portanto, motivos não faltam para que a massa tricolor compareça de maneira expressiva, como sempre acontece nos bons momentos do tricolor.

Valdomiro Silva é jornalista, Secretário de Comunicação de Feira de Santana; o artigo foi extraído do site Tribuna Feirense.