img_20170715_1747363462

Até lamento um pouquinho não ter crescido no rock…mas fui menino mais rural que urbano e adolescente mais nacionalista que universal.

Não carrego o rock dentro de mim.

img_20170715_172224503

Mas isso não me impede de conviver com rock e roqueirxs e a vida ter me feito até porteiro de um evento, em Mossoró, por delegação do produtor do ‘ConSertão’, o jornalista Paulo Procópio.

img_20170715_1642235102

No sábado, substituindo o samba de lei que acontece no MAP de Feira de Santana, olhe o rock lá….

Como não ir? Fui.

No Chalé do Beiju de Cléia dei de cara com o produtor cultural Dudu Cunha que

img_20170715_155102196_burst000_cover_top2

também conhece minha prima doutora em artes Ana Paula Feitosa instigante professora da UNEB  vivendo de forma fascinante entre Salvador e Trancoso.

Depois chegaram Márcio Punk e Isis Fire Tatoo e mais gente de camisas escuras chegando.

img_20170715_1653415632

Constato com esse do rock  que os eventos do sábado no MAP criam um intercâmbio direto com a praça defronte que se torna um segundo ambiente.