Depois de 20 anos de serviços prestados ao Judiciário da Bahia, o desembargador Carlos Alberto Dultra Cintra se despede da magistratura.CINTRA

A aposentadoria foi publicada ontem,  no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA).

Natural da cidade de Ipirá, no sertão da Bahia, o desembargador Carlos Alberto Dultra Cintra  foi presidente da Corte no biênio de 2002-2004.

Assumidamente contrário ao domínio político de Antônio Carlos Magalhães, a gestão de Cintra foi considerada um “divisor de águas” no funcionamento da Justiça na Bahia, defendendo um Tribunal Pleno sem submissão ao Poder Executivo.