Com malas prontas para uma viagem de uma semana à Europa, o prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo, vai levando também na ‘bagagem’ um ‘pacote’ de problemas administrativos-políticos que pode lhe dar ainda muito trabalho no segundo semestre.

Um deles diz respeito à Câmara de Vereadores. Segundo o site Rota da Informação, do radialista Osvaldo Cruz (clique aqui), “o grupo dos insatisfeitos” é grande e tem o vereador  Wellington Andrade (PTN), como um dos mais ‘independentes’ do  Legislativo de Feira, incomodando o Paço Municipal.

Não foi assim nos dois mandatos anteriores de Ronaldo.A ‘indignação’ podia até existir mas dificilmente ela viria a público de maneira tão clara e sem meias palavras. 

Como também não se ousaria imaginar naqueles oito anos que Secretários municipais se engalfinhassem em brigas e até inimizades que chegam até o público também sem meios termos ou panos quentes.

Por exemplo: a secretária de Saúde, Denise Mascarenhas e a presidente da Fundação Hospitalar, Gilberte Lucas estão ‘mais calmas’ por esses dias mas eram capazes de ‘rodar a baiana’ quando se encontravam em ambientes públicos, como ocorreu em um aniversário de um radialista da cidade.

Como dizem também, à boca miúda, que estão trincadas as relações entre gestores da Secretaria de Cultura e da Fundação Egberto Costa.

Leia também:

Terceiro mandato de Ronaldo em Feira é ‘pobre’ em pesquisas

Prefeito de Feira mostra empenho em eleger Zé Chico e Colbert