Dois importantes e atuantes nomes das artes de Feira de Santana estão de volta depois de representarem nossa cidade em eventos no exterior. O mestre de Capoeira Angola, autor e historiador Bel Pires retornou de atividades na Grécia e também em Israel.

Em terras estrangeiras ele lançou o livro “Urucungo de Cassange – Um Ensaio sobre o Arco Musical no Espaço Atlântico”. A obra trata do berimbau ou urucungo, principal instrumento do conjunto musical da capoeira no Brasil. Além disso, Bel também participou de rodas de capoeira e workshops.

Já o artista visual feirense Julio Firmo expôs alguns trabalhos na Mostra Internacional de Arte Bracara, em Braga (Portugal). Esculturas e pinturas de nomes de vários países como Holanda, Angola e Japão ainda podem ser conferidas na exposição que segue aberta ao público até o dia 31 deste mês.

Em Madrid, na Espanha, Julio Firmo apresentou sua produção na galeria Artendencia, juntamente com os artistas Carol Solar e Cristian Pardó.

Tanto Bel, quanto Julio, prometem novas ações ainda na reta final deste ano aqui em Feira. Os dois demonstraram muito ânimo para dar conta de outras empreitadas, depois de passarem alguns dias fora do país.

Filme feirense será exibido no Cuca

O filme “Porque eu te amei”, produção genuinamente feirense, dirigida pelo cineasta Tiago Rocha será exibido nesta quinta (17) e na sexta (18) com sessões às 19h20 e no sábado (19) às 15h30, no Teatro do Cuca. A entrada terá valor promocional, apenas R$ 10.

Segundo Tiago, toda arrecadação destas exibições será utilizada para formação dele no curso de Atuação para Cinema na Academia de Nova Iorque, nos Estados Unidos, em 2020.

Com quase todas as cenas rodadas em Feira, equipe técnica e elenco da cidade, “Porque eu te amei” trata de uma experiência traumática vivida por uma adolescente de 13 anos e dos desdobramentos que este fato representou.

Em 2018, o filme foi exibido, com ótima presença de público, em salas do cinema do shopping Boulevard e do América Outlet.

Africania e amigos na Cúpula do Som

Depois do marcante show realizado na Feira da Estação Nova, dentro do Movimento Reconsertão, a banda Africania volta ao palco no dia 1º de novembro para segunda edição do projeto Africania e Amigos.

O show contará com a presença do poeta e compositor Zecalu, do grupo Bando À Flor da Pele e do Rádio Livre. Além disso, está confirmada a participação do músico e professor Mag Vieira, de Irecê.

A festa será realizada na Cúpula do Som, às 21h30. O ingresso será vendido no local por apenas R$ 15, com direito ao álbum “Ori”, lançado pelo Africania.

Elsimar Pondé é radialista, jornalista e ativista cultural